Compartilhar Facebook   
Favoritar
ACERVOEXPERIMENTE — CONHECER PESSOAS POR E-MAIL...

Conhecer pessoas por e-mail

As Tecnologias da Informação e Comunicação (TIC) alteraram bastante o modo como nos relacionamos em diferentes esferas da vida. Para ter notícias de um amigo ou um parente que mora longe, solicitar um serviço ou fazer reclamações, trocar documentos com colegas de trabalho, entre outras ações de nosso dia a dia, muitas vezes utilizamos gêneros digitais.


Uma das maneiras de trocar mensagens e enviar arquivos é pelo e-mail. Apesar de ter algumas características da carta, o e-mail se diferencia, pois por meio da tecnologia digital é possível fazer a troca instantânea de mensagens, que podem ser enviadas a vários destinatários ao mesmo tempo. Além disso, pode trazer links para conteúdos na internet e também documentos e imagens anexados.


Para trabalhar o e-mail em sala de aula, não basta transpor para o computador um projeto com cartas pessoais, já bastante realizado na escola. É preciso pensar nas funções que essa forma de correspondência pode ter em práticas sociais dos alunos, aproveitando as potencialidades da tecnologia digital.


Nossa proposta é levar os alunos a conhecer os diferentes usos do e-mail. É interessante adaptar as sugestões apresentadas às características da turma com quem trabalhará, incorporando as contribuições dos estudantes.


Objetivos:
• Trocar relatos por e-mail com alunos de escolas de outras localidades.
• Enviar e-mails com anexos e links para fazer conhecer a sua escola e a sua localidade.
• Revisar produções textuais dos estudantes, sistematizando conteúdos relacionados ao sistema de escrita alfabética, às regras ortográficas e às regras de pontuação.
• Analisar e-mails produzidos e recebidos.
• Organizar uma mostra para a comunidade sobre as semelhanças e as diferenças entre as escolas e as localidades em que estão inseridas. Com base nessa comparação, promover debates sobre as características de cada local e possíveis melhorias para ambas.

Público-alvo: alunos a partir do 2º ano do Ensino Fundamental.

Material:
• computadores conectados à internet;
• máquina fotográfica ou celular com câmera;
• cartolina ou papel pardo para cartazes,
• canetinhas, lápis de cor, tintas etc.

Sugestão de encaminhamento: 
Estabelecimento de parceria
Antes de iniciar, é interessante entrar em contato com professores e escolas que possam ser parceiros no projeto de troca de e-mails. Caso você conheça professores de escolas de outras localidades (bairros, cidades ou estados diferentes), compartilhe a ideia com eles. Você pode ainda sugerir aos alunos que contatem parentes ou amigos que estudam em outras escolas. 
O objetivo da parceria é possibilitar às turmas que conheçam outras escolas, assim como seu entorno (bairro, cidade) e as características geográficas e culturais da localidade, e também apresentar sua realidade a outros jovens.
Como fruto dessa troca, sugerimos que organizem uma mostra sobre o que os alunos aprenderam com seus correspondentes. Com base nessa mostra, é interessante promover debates sobre as peculiaridades de ambos os locais e sobre o que podem melhorar em sua escola, bairro ou cidade.



1 2 3 
MAIS EXPERIMENTE
Realizar um sarau com a turma
Você já reparou que muitas crianças, adolescentes, jovens e adultos...
Investigar as estratégias dos...
O anúncio publicitário é um gênero textual que tem por objetivo...
Fazer canção com a turma
A canção, ou seja, a música com letra, é uma das maiores...
Criar nanocontos com a turma
Muitas vezes, ao trabalhar gêneros literários em sala de aula, temos...
Viajar pelo mundo do faroeste com a...
Os cartazes de “Procura-se”, imortalizados nos filmes de faroeste, foram...
VOLTAR
COMENTÁRIO(S)
Faça login para comentar neste artigo, clique aqui!
ROZANAROZANA disse em 18/06/2014 09h27
Excelente oportunidade de se trabalhar sobre meio de comunicação através da tecnologia colocando em destaque as funções que esse tipo de correspondência pode ter nas práticas sociais das pessoas que fazem tal uso, tirando dela os melhores proveitos e de maneira positiva, ou seja para o bem, pois hoje em dia há uma inversão de valores onde algumas pessoas fazem uso da mesma de forma negativa para saciar caprichos que trazem danos gravíssimos e muitas vezes irreversíveis às pessoas ou até mesmo à humanidade.
Licença Creative CommonsEste trabalho foi licenciado com
uma Licença Creative Commons
PARCERIAS