Compartilhar Facebook   
Favoritar
ACERVOEXPERIMENTE — ORGANIZAR UM BAILE DE CARNAVAL...

Organizar um baile de Carnaval


A confecção das fantasias é outra tarefa bem divertida. A pergunta inicial sobre que fantasia elas gostariam de usar pode ajudar a desenvolver a alegoria de cada criança. Mesmo que algumas prefiram usar fantasias prontas, é importante que confeccionem algum adereço complementar. Experimentem fazer capas, coroas, chapéus, cocares e uma boa máscara, usando tules, retalhos, papel crepom, lantejoulas, paetês, missangas, brilhos, plumas etc. Deixem a imaginação fluir. Pintar o rosto com tinta apropriada é algo que toda criança gosta.

Escolhida a fantasia de cada um, é hora de falar na organização do baile. A decoração da sala e a apresentação dos materiais que serão usados (serpentinas, confetes, bexigas etc.) podem proporcionar uma excelente conversa. Nela, todos decidem o que cada um fará no dia da arrumação, na véspera do grande baile. Não se esqueçam de organizar o mural das imagens recolhidas.


Outra tarefa bem divertida será trazer uma coletânea de marchinhas do passado para as crianças ouvirem: “Mamãe eu quero”, “Alalaô”, “Índio quer apito”, “Chiquita bacana”, entre outras.  É muito interessante tocar as marchinhas na sala, sempre que houver atividades voltadas ao baile. Clique aqui e ouça várias marchinhas tradicionais.

Brincadeiras tradicionais, como o trenzinho e o desfile de fantasias, podem gerar boas gargalhadas. É interessante não haver competição. Vale a pena registrar todos os processos. Boa festa!

Quer saber mais sobre a origem do Carnaval no Brasil? Assista ao vídeo do canal FilosofiAArtE, que apresenta um pouco da história da folia no Rio de Janeiro, São Paulo, Pernambuco e Bahia.


Autor da oficina: Leandro Medina, pesquisador e brincante da cultura popular brasileira, e Madalena Monteiro, , contadora de histórias e formadora do Projeto Entre na Roda. 


1 2 3 
MAIS EXPERIMENTE
Criar ou contar histórias com...
A fantasia, a invenção, a criatividade pensam, a imaginação...
Recriar histórias com as crianças
A sequência de atividades proposta passa pela leitura e se envereda pelos caminhos...
Praticar cartografia fazendo uma...
Início da conversa A arte da cartografia está presente em nossa cultura...
Produzir um telejornal com a cara...
Quando um educador problematiza o ambiente educativo em que está inserido −...
Realizar uma oficina de navegação...
Início de conversa:Como faço para chegar a determinado lugar? Como saber em...
VOLTAR
COMENTÁRIO(S)
Faça login para comentar neste artigo, clique aqui!
ROZANAROZANA disse em 21/03/2014 12h00
O tema é maravilhoso e bem sugestivo. Poderá se fazer um trabalho excelente em todas as disciplinas através dos eixos correspondentes. Para as cidades que não tem o carnaval, sugiro que se faça um link com o carnaval fora de época que acontece em muitas cidades do interior, chamada "Micareta", o trabalho ficará mais consistente e interessante já que se trata de uma realidade e da cultura local.
SORAYASORAYA disse em 12/03/2014 17h23
A proposta é riquíssima. Eu e prof. Paula desenvolvemos na escola.
SORAYASORAYA disse em 12/03/2014 17h23
A proposta é riquíssima. Eu e prof. Paula desenvolvemos na escola.
PLATAFORMAPLATAFORMA disse em 27/02/2014 00h23
Ângelo, por favor, verifique se o vídeo a que se refere é o que lincamos, disponibilizado pelo canal FilosofiAArtE (https://http://www.youtube.com/watch?v=-tVSuVqxlFE), pois, após a exibição deste, outros vídeos ficam disponíveis na tela, como é padrão no Youtube, sobre o que não temos controle.
ÂNGELOÂNGELO disse em 22/02/2014 10h58
O que é esse vídeo final? Bizarro! Todo fanatismo é cego. O vídeo não combinou com tudo o que foi apresentado antes, que está bem legal.
PLATAFORMAPLATAFORMA respondeu em 26/02/2014 23h52
Olá, Ângelo, a proposta do vídeo é apresentar uma perspectiva histórica do Carnaval no Brasil, desde a colonização, com o entrudo, até os dias atuais.
MILDE PEREIRA DA SILVAMILDE PEREIRA DA SILVA disse em 21/02/2014 14h28
Vocês estão de parabéns!!!!! É simplesmente maravilhoso todos os materiais que nos proporcionam enriquecer nosso trabalhos.
PLATAFORMAPLATAFORMA respondeu em 26/02/2014 23h57
Ficamos felizes com o retorno, Milde! Por favor, caso tenha experimentado essa proposta com a turma, relate para nós como foi!
FABIAFABIA disse em 20/02/2014 16h10
Riquíssima as atividades propostas.Através dela as crianças poderão desenvolver sua oralidade e além de tudo será proporcionado momentos de arte e rever a cultura do local.
PLATAFORMAPLATAFORMA respondeu em 26/02/2014 23h59
É o que esperamos, Fábia! Conte como foi a experiência, caso tenha se inspirado na proposta!
Licença Creative CommonsEste trabalho foi licenciado com
uma Licença Creative Commons
PARCERIAS