Compartilhar Facebook   
Favoritar
ACERVOEXPERIMENTE — ORGANIZAR UM BAILE DE CARNAVAL...

Organizar um baile de Carnaval


Materiais:
• Para decorar a sala: confetes, serpentinas, máscaras de cartolina e bexigas coloridas.
• Para confeccionar fantasias: papel crepom, TNT de várias cores, lantejoulas, cartolina, lápis de cor, giz de cera, tesouras sem ponta, paetês, pedaços de tecidos, tules, pintura para o rosto etc...

Sugestão de encaminhamento:
Em um primeiro momento, é interessante pesquisar a origem dessa antiga festa. Alguns historiadores apontam uma relação com as celebrações pagãs conhecidas como Saturnália, na Roma Antiga. Outros relacionam a festividade a celebrações que se originaram na Grécia entre meados de 600 a 520 a.C.


Para iniciar a conversa com as crianças, você pode trazer curiosidades sobre como o Carnaval acontecia em diversas regiões e como veio se transformando no decorrer dos séculos. Mostre imagens dos bailes de Veneza, Paris, dos antigos Carnavais que ocorriam em nossa terra ao longo da história e, é claro, muitas fotos e outras imagens (livros/jornais/revistas/sites) de meninos e meninas brasileiros fantasiados, se divertindo através dos tempos.

Em seguida, você pode fazer uma roda e perguntar: Quem já foi a um baile de Carnaval? Alguém se lembra de uma música tocada no Carnaval? Que brincadeiras fizeram? Que fantasia usou? Qual gostaria de usar num baile? Quem topa preparar um grande baile de Carnaval com a turma? Finalmente, combinem a data da festa.

Para que as crianças se envolvam em todas as etapas da organização da festa, é interessante que pesquisem as memórias das famílias em torno da data. Oriente as meninas e os meninos a criar um roteiro de perguntas que eles podem fazer aos pais, tios, avós e amigos de outras gerações: Quem já participou de bailes? Como eram as comemorações na época? De que músicas se recordam? Como eram as brincadeiras? Que fantasias usaram? Oriente os estudantes já alfabetizados a registrar por escrito os relatos. As crianças podem também gravar as entrevistas em áudio ou em vídeo. Fotos são muito bem-vindas.

Combine uma data para que eles compartilhem, em uma roda de conversa, as informações, histórias e imagens que colheram na pesquisa. Nesse momento, é interessante perguntar se eles notaram, ao conversar com a família, algumas palavras e expressões que não conhecem. Caso eles se recordem, faça uma lista desses termos na lousa e oriente-os a pesquisar o significado em dicionários e na internet. Essa é uma excelente oportunidade de discutir o tema da variação linguística: estimulando as crianças a pensar quais as possíveis razões de esses termos não serem mais tão conhecidos hoje, elas poderão perceber que a língua se modifica junto com a sociedade.


1 2 3 
MAIS EXPERIMENTE
Realizar um sarau com a turma
Você já reparou que muitas crianças, adolescentes, jovens e adultos...
Conta outra: mitos e lendas no...
Início da conversaVivemos uma mudança de paradigma na...
Produzir uma playlist comentada com...
Início de conversa “Dedico esta música para Guilhermina Viana, do...
Desafiar a turma com jogos de...
O jogo é uma atividade que desafia e mobiliza diferente saberes, pensamentos e...
Criar jogos de percurso com base em...
Jogar é uma atividade da qual as crianças sempre participam com prazer....
VOLTAR
COMENTÁRIO(S)
Faça login para comentar neste artigo, clique aqui!
ROZANAROZANA disse em 21/03/2014 12h00
O tema é maravilhoso e bem sugestivo. Poderá se fazer um trabalho excelente em todas as disciplinas através dos eixos correspondentes. Para as cidades que não tem o carnaval, sugiro que se faça um link com o carnaval fora de época que acontece em muitas cidades do interior, chamada "Micareta", o trabalho ficará mais consistente e interessante já que se trata de uma realidade e da cultura local.
SORAYASORAYA disse em 12/03/2014 17h23
A proposta é riquíssima. Eu e prof. Paula desenvolvemos na escola.
SORAYASORAYA disse em 12/03/2014 17h23
A proposta é riquíssima. Eu e prof. Paula desenvolvemos na escola.
PLATAFORMAPLATAFORMA disse em 27/02/2014 00h23
Ângelo, por favor, verifique se o vídeo a que se refere é o que lincamos, disponibilizado pelo canal FilosofiAArtE (https://http://www.youtube.com/watch?v=-tVSuVqxlFE), pois, após a exibição deste, outros vídeos ficam disponíveis na tela, como é padrão no Youtube, sobre o que não temos controle.
ÂNGELOÂNGELO disse em 22/02/2014 10h58
O que é esse vídeo final? Bizarro! Todo fanatismo é cego. O vídeo não combinou com tudo o que foi apresentado antes, que está bem legal.
PLATAFORMAPLATAFORMA respondeu em 26/02/2014 23h52
Olá, Ângelo, a proposta do vídeo é apresentar uma perspectiva histórica do Carnaval no Brasil, desde a colonização, com o entrudo, até os dias atuais.
MILDE PEREIRA DA SILVAMILDE PEREIRA DA SILVA disse em 21/02/2014 14h28
Vocês estão de parabéns!!!!! É simplesmente maravilhoso todos os materiais que nos proporcionam enriquecer nosso trabalhos.
PLATAFORMAPLATAFORMA respondeu em 26/02/2014 23h57
Ficamos felizes com o retorno, Milde! Por favor, caso tenha experimentado essa proposta com a turma, relate para nós como foi!
FABIAFABIA disse em 20/02/2014 16h10
Riquíssima as atividades propostas.Através dela as crianças poderão desenvolver sua oralidade e além de tudo será proporcionado momentos de arte e rever a cultura do local.
PLATAFORMAPLATAFORMA respondeu em 26/02/2014 23h59
É o que esperamos, Fábia! Conte como foi a experiência, caso tenha se inspirado na proposta!
Licença Creative CommonsEste trabalho foi licenciado com
uma Licença Creative Commons
PARCERIAS