Compartilhar Facebook   
Favoritar
ACERVOEXPERIMENTE — TROCAR MENSAGENS ONTEM E HOJE...

Trocar mensagens ontem e hoje


Sugestão de encaminhamento  
Conversa inicial
Em uma roda de conversa, pergunte se os estudantes já escreveram ou receberam uma carta pessoal. Provavelmente, a maioria nunca trocou cartas. Para exemplificar, leia com a turma uma das cartas pessoais encontradas no acervo do Instituto Moreira Salles. Uma opção interessante é esta carta de Clarice Lispector, que simula um diálogo com um destinatário, o poeta e dramaturgo Lúcio Cardoso.

Leitura e análise dos textos
Na carta acima, é possível explorar, entre outros elementos:
• características da estrutura composicional − local e data no início, com saudação ao destinatário e assinatura ao final;
• estilo − escolhas linguísticas que marcam a relação pessoal informal entre os interlocutores e a comunicação direta entre eles;
• conteúdo temático − bastante original no caso dessa carta, que pode ser comparada com as trocas de mensagens instantâneas de hoje: Clarice reclama da demora do amigo em lhe enviar cartas e simula um diálogo face a face ou instantâneo (semelhante aos de hoje nas redes sociais), ironizando a falta de respostas do amigo.


Com base na carta de Clarice Lispector, discuta com os estudantes as facilidades da comunicação instantânea pela internet e também seus possíveis problemas. Questione o que, na visão deles, pode ser interessante na troca de cartas pessoais pelo correio. Para ampliar a discussão, sugerimos que assista com a turma a cena inicial de Central do Brasil.


1 2 3 4 
MAIS EXPERIMENTE
Criar programas de rádio com a...
A escola divide seu espaço com outras formas de aprendizagem e disputa a...
Criar ou contar histórias com...
A fantasia, a invenção, a criatividade pensam, a imaginação...
Criar fanzines e compartilhar...
Início de conversa: “Faça você mesmo, faça para entender,...
Ler e ouvir poesia com as crianças
A poesia é um ingrediente constante em nossa vida: nas falas curiosas e...
Montar uma brinquedoteca
Engajar os alunos em práticas sociais do interesse deles pode trazer...
VOLTAR
COMENTÁRIO(S)
Faça login para comentar neste artigo, clique aqui!
SILVIA REGINASILVIA REGINA disse em 30/10/2019 14h30
uma vez vi uma professora fazer esse trabalho entre alunos de duas escolas diferentes, e ela fez o encerramento com uma festa de encontros doa alunos correspondentes das duas escolas. eles amaram.
MARCIA MARQUESMARCIA MARQUES disse em 28/08/2017 12h26
Que maravilha! Amei!!
ROZANAROZANA disse em 15/12/2016 15h27
Boa tarde! Trabalhar com este gênero é maravilhoso. Tivemos uma belíssima experiência no Fundamental I, com as turmas de 5º ano. Este projeto possibilitou aos alunos escreveram cartas para alunos e professores de outras escolas. Conheceram o gênero, sua função social, adquiriram comportamentos leitores, refletiram sobre a escrita através da análise linguística, além de terem a oportunidade de conhecer melhor uns aos outros, bem como trocar experiências sobre a literatura brasileira por meio das indicações literárias. Dentre outros projetos, este foi apresentado no seminário como uma das experiências exitosas no ano de 2016. Foi realmente muito gratificante e vale à pena todo esforço e dedicação.
MARCOSMARCOS disse em 09/12/2016 14h10
Excelente sugestão, essa de criar perfis nas redes sociais parodiando os escritores. Adorei!
MARIA DO CARMOMARIA DO CARMO disse em 27/10/2016 16h21
Querida Plataforma, Excelente sequência didática! Grata, Maria.
SORAIA CRISTINASORAIA CRISTINA disse em 21/10/2016 22h42
Excelente. Completo e dinâmico.
Licença Creative CommonsEste trabalho foi licenciado com
uma Licença Creative Commons
PARCERIAS