Compartilhar Facebook   
Favoritar
ACERVOEXPERIMENTE — PALAVRA-BRINQUEDO: FAZER POESIA E SE DIVERTIR...

Palavra-brinquedo: fazer poesia e se divertir

“Palavra poética tem que chegar ao grau de brinquedo para ser séria.”
(Manoel de Barros)


Início da conversa:
Palavra que não brinca não serve para poesia. É partindo da concepção lúdica, da poesia de Manoel de Barros, que podemos despertar em nossos alunos o prazer pela leitura e pela escrita de poemas. Para isso, podemos não só evidenciar os jogos de palavras e de ideias que os poemas trazem como também transformar as próprias palavras em brinquedos, mostrando que a relação entre as formas e os sentidos pode ser divertida.


Público-alvo: alunos do Ensino Fundamental I e II.


Objetivos:
• apresentar os poemas de Manoel de Barros e seu estilo de compor poesia;
• apresentar as diferenças entre a linguagem literária e a não literária;
• trabalhar as diferenças entre as classes de palavras;
• explorar de forma lúdica os sentidos conotativos das palavras;
• explorar os processos de formação das palavras, em especial sufixação e prefixação;
• incentivar a produção poética dos alunos.

Materiais:
• 1 dado médio feito de EVA grosso. Em cada face deverá constar os prefixos des-, in-, re-; e os sufixos -mente, -dade, -ante.
• 1 dado médio feito de EVA grosso. Em cada face deverá constar verbos e substantivos, como: brincar, saber, viver, criança, flor, pássaro.
• 1 dado médio feito de EVA grosso. Em cada face deverá constar pronomes oblíquos me, te, nos e desinências verbais:
-ava, -am, -ou.
• Poemas de Manoel de Barros (veja sugestões ao longo e ao final desta atividade).
• Moldes de dados impressos em folhas de papel sulfite (baixe aqui).
• Cartolinas.
• Cola branca.
• Folhas de papel sulfite.
• Lápis.
• Tesouras.
• Canetinhas coloridas.

1 2 3 
MAIS EXPERIMENTE
Criar nanocontos com a turma
Muitas vezes, ao trabalhar gêneros literários em sala de aula, temos...
Ler e ouvir poesia com as crianças
A poesia é um ingrediente constante em nossa vida: nas falas curiosas e...
Criar fanzines e compartilhar...
Início de conversa: “Faça você mesmo, faça para entender,...
Trabalhar com cantigas brasileiras
As canções já fazem parte do cotidiano escolar, principalmente da...
Produzir uma playlist comentada com...
Início de conversa “Dedico esta música para Guilhermina Viana, do...
VOLTAR
COMENTÁRIO(S)
Faça login para comentar neste artigo, clique aqui!
IDACELIAIDACELIA disse em 17/02/2017 22h14
material maravilhoso e de fácil aplicação.
CLAUSINÉIACLAUSINÉIA disse em 12/09/2016 22h35
Sugestões bacanas e fáceis para serem desenvolvidas em ambiente escolar.
JUCIANE ROSENDO LESSA DA SILVAJUCIANE ROSENDO LESSA DA SILVA disse em 10/09/2016 21h50
ÓTIMAS SUGESTÕES PARA NOSSO ENRIQUECIMENTO
Licença Creative CommonsEste trabalho foi licenciado com
uma Licença Creative Commons
PARCERIAS