Compartilhar Facebook   
Favoritar
ACERVOEXPERIMENTE — CRIAR FANZINES E COMPARTILHAR HISTÓRIAS...

Criar fanzines e compartilhar histórias


Ampliando a discussão:
O tema despertou interesse? Que tal saber mais? Indicamos a seguir alguns livros, artigos e vídeos para mergulhar no universo dos fanzines. Não deixe de procurar em sua região bibliotecas com acervo de histórias em quadrinhos, que podem conter também fanzines. Não esqueça que a maior aprendizagem na produção de zines é experimentar possibilidades de expressão e compartilhar saberes e talentos!


Livros:
SNO, Márcio. O universo paralelo dos zines. São Paulo: TimoZine, 2015.
PINTO, Renato Donisete. Fanzine na educação: algumas experiências em sala de aula. João Pessoa: Marca de Fantasia, 2013.
SOCIEDADE CAPIBARIBE DE EDUCAÇĂO E CULTURA (Socec). Quadrinhos e educação, v.1: relatos de experiência e análises de publicações. Jaboatão dos Guararapes: Socec, 2015.
SANTOS NETO, Elydio dos; SILVA, Marta Regina Paulo da (Org.). Histórias em quadrinhos e práticas educativas. São Paulo: Criativa, 2013. v. 1.
MUNIZ, Cellina (Org.). Fanzines: autoria, subjetividade e invenção de si. Fortaleza: Ed. UFC, 2010.

Gibitecas:
Gibiteca Municipal de Santos (SP)
Gibiteca Municipal Henfil, São Paulo (SP)
Gibiteca da Escola Municipal Judith Lintz Guedes Machado, Leopoldina (MG) 
Gibiteca de Curitiba (PR)

Artigos e pesquisas:
PINTO, Renato Donisete. Fanzine como recurso pedagógico nas aulas de Educação Física em uma escola municipal. Disponível em: GPEF. Acesso em: jun. 2016.
BASAGLIA, Ana Paula H. F. Fundamentos do design gráfico aplicados no fanzine. Experimento realizado em escola de Ensino Fundamental de São Paulo. 2011. Monografia (Pós-graduação lato sensu em Design Gráfico: conceito e aplicação) - Fundação Armando Álvares Penteado - Faap, São Paulo, 2011. Disponível em: Dropbox. Acesso em: jun. 2016. 

Documentários:
Fanzineiros do século passado, capítulo 1. Dir. Márcio Sno.

Zine-se: mensageiros de papel. Em forma de documentário, o trabalho de conclusão de curso de Rádio e TV de Gladson Caldas (2011) mostra as atividades de fanzineiros em Fortaleza (CE). 


Blogs e matérias
Zinismo: “Zinismo é um blog coletivo, autoral e independente formado por uma confraria de fanzineiros separados pela distância física e aproximados pela era digital.”
365 fanzines: blog que divulga e disponibiliza fanzines variados para leitura. 
Zinco: Centro de Estudo, Pesquisa e Produção em Mídia Alternativa (página do Facebook). 
IFanzine: projeto de extensão do Instituto Federal Fluminense, campus Macaé (RJ), que promove a cultura do fanzine e sua aplicabilidade no ensino-aprendizagem.
Fanzinoteca Mutação: blog que oferece a visualização de fanzines a diferentes públicos.
Thina Curtis e a presença da mulher em HQs e fanzines. Disponível em: http://acoisatoda.com. Acesso em: jun. 2016. 


Autora da oficina: Sabrina Paixão, arte-educadora e pesquisadora de HQ na Faculdade de Educação da Universidade de São Paulo (FE-USP).

1 2 3 
MAIS EXPERIMENTE
Brincar de trava-língua
“... encarnando-se nos corpos das crianças, as palavras tanto falam de...
Fazer passeios letrados com as...
Vivemos numa sociedade letrada, em que a escrita está por todos os lados: em...
Mergulhar no universo dos...
Os quadrinhos destinados ao público infantojuvenil podem proporcionar não...
Realizar uma roda de cordel
O cordel é um gênero cujos textos contêm grande diversidade de temas....
Inventar maneiras criativas de...
Todas as pessoas, em qualquer momento da vida, desde que são muito pequenas...
VOLTAR
COMENTÁRIO(S)
Faça login para comentar neste artigo, clique aqui!
ANA ILZAANA ILZA disse em 19/07/2016 14h03
A criatividade transcende o pensamento humano,temos habilidades que nem nós mesmos sabemos.Assim também são nossos alunos precisamos acreditar que dentro da nossa sala pode ter um grande artista.
ANA ILZAANA ILZA disse em 19/07/2016 14h03
A criatividade transcende o pensamento humano,temos habilidades que nem nós mesmos sabemos.Assim também são nossos alunos precisamos acreditar que dentro da nossa sala pode ter um grande artista.
CLEIDE APARECIDACLEIDE APARECIDA disse em 05/07/2016 14h46
Ja havia feito com meus alunos, percebi o quanto eles são criativos. A aula ficou mais dinamica e leve. O trabalho ficou sensacional, eles fizeram fanzines de que incluiam varios temas. Muito bom um otimo estimulo para a criatividadde e inovação.
ROZANE HOY BORBAROZANE HOY BORBA disse em 24/06/2016 20h27
Amei conhecer este outro lado do fanzine e como os jovens trabalhavam com suas ideias.
ANA PAULAANA PAULA disse em 16/06/2016 18h51
Adorei a ideia, ainda não conhecia esse trabalho, muito bom.
Licença Creative CommonsEste trabalho foi licenciado com
uma Licença Creative Commons
PARCERIAS